Série: As Telefonistas

Oi Pessoal!

Sabe um tipo de série que você nunca pensaria em assistir? Ainda mais quando a língua falada é o espanhol? Pois é, mudei meu pensamento com relação a isso e descobri As Telefonistas (Las Chicas del Cable), uma série que estou gostando de ver.


Falei gostando, porque não estou amando não. Tem algumas coisas nela que não concordo, mas a história principal acabou me prendendo, por isso continuo a assistir.

A história se passa em Madri, no ano de 1928. Alba/Lidia Aguilar (Blanca Suarez) é a personagem principal. Ela é uma golpista que tenta ir com uma amiga para a Argentina. As duas conseguem o dinheiro, mas os planos dão errado. Sua amiga acaba morrendo e Alba vai presa. Na delegacia, ela faz um acordo com o Delegado para ficar livre e depois de mais um golpe, acaba conseguindo fazer o teste para ser Telefonista na companhia nacional de telefones.


Para fazer o teste, ela "rouba" o nome de outra pessoa e passa a ser Lidia Aguilar. Lá ela conhece outras duas candidatas, Carlota Rodríguez de Senillosa (Ana Fernandez) e Marga (Nadia de Santiago). As três acabam se atrasando para o teste e quem as ajuda, é Angeles Vidal, Telefonista exemplar da empresa. A coordenadora Sara Millán (Ana Polvorosa) acaba deixando elas fazerem o teste. Todas conseguem passar, inclusive Lidia, que dá um jeitinho para isso.


Ela seduz o filho do dono da empresa, Carlos Cifuentes (Martiño Rivas), que acaba se apaixonando por ela. Assim que começa a trabalhar, Lidia já começa a bolar um plano para dar seu golpe e sair da cidade. O que ela não espera, é que um grande amor do passado, atrapalhe tudo e acabe a pegando em flagra. Ela fica surpresa e sentimentos voltam a tona, mas ela não se deixa abalar e para se livrar dessa, faz um acordo com ele, Francisco Gómez (Yon Gonzalez). 


A partir daí, muitas coisas acontecem e as histórias as quatro telefonistas, vão sendo contadas. Angeles, como já falei, é a melhor Telefonista da companhia e recebe uma proposta de promoção, mas seu marido é totalmente contra. Ele, que é super machista, quer que ela fique em casa com a filha. Carlota é a filha de um General importante e de uma família muito rica e tradicional. Seus pais não concordam de jeito nenhum que ela trabalhe e fazem de tudo para impedi-la, mas ela é firme na sua decisão de ser independente. E Marga, é uma garota do interior que vai para a cidade grande incentivada por sua avó, para trabalhar e cuidar da sua própria vida. Ela acaba se apaixonando por um rapaz da companhia, mas logo descobre que ele não é um cara honesto como pensava. 


As histórias são bem interessantes e é legal saber como eram as coisas naquela época e ver o figurino lindo. Na verdade não muito legal né? Porque nós mulheres não tínhamos direitos, só deveres. E na a série mostra bem como as mulheres eram tratadas e vistas naquela época. Eram criadas para se casarem e cuidarem da casa e da família. Até aí, tudo bem. Acho que toda mulher tem que ser criada pra isso, mas não só pra isso. Acho que conforme for a situação, a mulher pode sim trabalhar fora e ajudar no sustento da casa. Ainda mais nos dias de hoje que não está fácil manter tantas despesas. E não é nada ruim termos nosso dinheiro, né meninas?


Uma coisa que é bem retratada na série, é o movimento feminista. Sara e Carlota são feministas e sufragistas e lutam pelo direito das mulheres de votar. Elas frequentam reuniões e não se deixam abater com comentários e atitudes machistas.

A parte que eu não gosto na série, envolve justamente essas duas personagens que acabam se envolvendo sexualmente. Sei que para muita gente isso é irrelevante ou até algo comum, mas para mim não é. (minha opinião, entendam por favor!). Mas enfim, não vamos criar polêmica.

Essa é a primeira série espanhola do Netflix e a primeira temporada já está toda lá. São 8 episódios com 55 minutos de duração cada. (achei bem longo!) E para quem já está assistindo, a segunda temporada já está sendo filmada e a terceira já foi confirmada. É só aguardar.

Se você já viu ou está vendo, me conta o que achou.

Beijinhos!!! 💋💋

Compartilhe:

JOIN CONVERSATION

34 comentários:

  1. Guriaaaa, tu acredita que foi a série que mais me chamou a atenção quando lançou? hahaha
    Ao contrário de ti, me chamou a atenção pelo titulo ser em espanhol e por retratar um ambiente machista, como era na época (e ainda é, mas ok).
    Eu assisti todinha em 1 semana, eu adorei. Eu senti que faltava alguma coisa, alguns pontos conflitantes, por causa da personagem principal. Mas ainda bem que as outras personagens roubam a cena também. AMÉM! hahaha
    Eu fiquei com um crush ABSURDO pelo Carlos, que homem!!!!! hahahaha
    A essência da série é muito boa, para mostrar o feminismo e etc.. e eles colocaram bastante romance no meio para ficar leve, talvez aí que alguns pontos ficaram meio ruins, não sei. Senti falta de algo tb, não sei explicar. haha
    É uma série muito boa, mas não AMEI AMEI de paixão também. Recomendo!!
    Super beeijo, By Morgana PZK

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Morgana, não foi amor, mas é a série é boa. Dá pra dar uma chance e no final, te deixa curiosa para a próxima temporada.

      Excluir
  2. Tinha visto a série na Netflix, mas até o seu post não consegui motivos para assistir! Adorei sua resenha e conhecer um pouco mais sobre a história, certeza que darei uma chance ;)

    ResponderExcluir
  3. Bate aqui! Salvou o final de Semana! Vou assistir e confesso: AMO FIGURINOS DE ÉPOCA! Beijo ♥

    ResponderExcluir
  4. O que eu mais gosto nessas séries latinas são os nomes hahahahah
    Gostei muito da sua "resenha" sobre a série mas não sei se é algo que eu assistiria porque a história não parece que vai me prender. Mas uma coisa é impossível de negar: as atrizes são lindas e a produção também!
    Beijosss

    Blog Madamices

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Gabriella! As atrizes são lindas mesmo!
      Beijinhos!

      Excluir
  5. Acho que já vi alguém falar dessa série e quando vi da primeira vez fiquei super curiosa para ver ela e com seu post reacendeu minha vontade de assistir.

    Beijão!

    ResponderExcluir
  6. Nunca ouvi falar e já amei por conta da história, figurino e por falar de feminismo :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então você vai gostar de assistir Gabriela!
      Beijinhos!

      Excluir
  7. Caramba, vi no netflix mas nao dei atenção para a série, tu me deixou curiosa viu ainda mais sendo em espanhol que é uma lingua que eu admiro e gosto muito, fiquei curiosa para assistir agora, adorei o post, beijos

    www.espelhomania.com.br

    ResponderExcluir
  8. Mulher me despertou muito interesse pra ver sério , gosto e séries assim pra entendermos mais do feminismo hhaha vou procurar <3

    ResponderExcluir
  9. Eu até vi a propaganda da série mas foi bem como falaste no começo, fiquei com pé atras de assistir, mas agora lendo um pouco mais sobre os personagens e o desenrolar da história fiquei até curiosa para dar uma espiada rsrs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dá uma olhadinha Erica, de repente você gosta.
      Beijinhos!

      Excluir
  10. Nunca ouvi falar dessa série. Acho que vou dar uma olhadinha e ver se vou gostar! Seu post me fez ficar curiosa hahah enfim...

    ResponderExcluir
  11. Parem com isso, não me indiquem mais séries. Eu detestava, agora amo. Já entrou mais uma para a minha lista. Achei longa mesmo, podia ter mais episódios!
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkk!É muita série e pouco tempo né Camila?
      Beijinhos!

      Excluir
  12. Oi flor, tudo bem? Adoro dicas de séries, ainda mais quando são diferentes daquelas que todos estão assistindo. O que falar do idioma? Amo espanhol, então qualquer série nessa língua me conquista. Tinha visto a indicação em outro blog mas ainda não assisti, está na minha listinha. Gostei bastante do enredo. Beijos, Érika =^.^=

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Érika! Se você ama a língua, então vai gostar da série!
      beijinhos!

      Excluir
  13. Realmente nunca pensei em assistir, mais agora vou começa assistir se gosta continuou rsrs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso aí! Dá uma chance. Assisti o primeiro episódio. Vai que você gosta?
      Beijinhos!

      Excluir
  14. Sempre vejo o anúncio dessa série na Netflix, mas nunca tinha me chamado atenção pra ler nem a sinopse, mas agora com toda certeza eu vou assistir!

    Agora toda mulher TEM que ser criada pra isso? :O
    Fiquei chocada amiga com essa sua frase!

    Beijos
    www.oxentebonita.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Giovanna! Então, o que quis dizer é que eu acho que toda mulher deve ser criada para cuidar da casa e da família sim, mas não só pra isso. Acho que temos que ser criadas para tudo. Veja bem, você pode não casar, pode não ter filhos, mas se tem uma casa só sua, você é dona de casa, querendo ou não. Você vai deixar sua casa suja? Vai morrer de fome? Não né? Mas se você não aprender a fazer as coisas em casa, como vai ser? Entende? Você não precisa ser dona de casa em tempo integral, mas acho que deve aprender a cuidar de uma sim.
      Beijinhos!

      Excluir
  15. Obrigada pela dica de série, sempre passava por essa série mas não sabia do que era, mas agora entrou na listinha para assistir :)

    ResponderExcluir
  16. Quando vi As Telefonistas na Netflix pensei que era um filme e fui correndo assistir mas quando descobri que era uma série desanimei, heheh Acho que em poucas horas esse assunto até seria interessante mas acho que como uma série não me chamaria muito a atenção :/
    Beijo!

    Sorriso Espontâneo

    ResponderExcluir
  17. eu comecei a assistir recentemente e estou adorando, amo filmes de epoca! amei sua resenha tbm.
    beijos

    ResponderExcluir
  18. Olá! Eu gostei da série, acho que ela tem potencial mas acabou ficando muito no clichê. Não gosto muito desses triângulos amorosos, essa coisa meio 'mocinha bandida sedutora', acho isso bem novela mexicana (sem preconceitos kkk). Mas diferente de você adorei a parte da polêmica, rs. Achei bem natural como retrataram!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  19. Já havia lido outra resenha dessa série, bem positiva também, nunca havia encontrado ela por acaso na Netflix mas tenho vontade de assistir, gosto de série/novela "mexicana" só não havia dado a sorte de encontrar na plataforma.
    www.agendaleatoria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Gostou? Deixe aqui seu comentário!